<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d34117314\x26blogName\x3ddi%C3%A1rio+de+um+quiosque\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://diariodeumquiosque.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://diariodeumquiosque.blogspot.com/\x26vt\x3d5113954605552121106', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

diário de um quiosque

O Pacheco Pereira tornou-se uma espécie de Ardinario da política [caracteres extra para não me estragar o template do blog]

Alves da Fonseca, fisioterapeuta do quiosque

quinta-feira, maio 10, 2007

O lance é fácil de descrever. Jogada típica de futebol de salão amador, depois de hora e meia de futebol aos repelões: bola nas mãos do guarda-redes, lançamento por alto a roçar o tecto do pavilhão, com destino ao quarteto de avançados (nesta altura já ninguém defendia), e depois de uma série de ressaltos, a bola pinga milagrosamente mesmo ao jeito do meu pé direito. Puxo a perna atrás e aqui vai disto, Evaristo! Resultado prático: bola na bancada. Prognóstico inicial: ruptura muscular na zona anterior da coxa direita (não sei precisar bem o local, mas dói quando toco).
Adivinhava-se uma noite mal dormida, que se confirmou. Mas não estava nos planos acordar sobressaltado às 4 da manhã com o maior dos pesadelos: estava entregue ao departamento médico do Benfica! Passado o susto, lá adormeci meia-hora depois, mas com um olho aberto, não fosse acordar numa cama de hospital, depois de uma problemática cirurgia ao menisco do joelho esquerdo.

A abertura do quiosque foi complicada, mas fiquei contente em saber que o Record não tinha feito manchete da minha lesão. As dificuldades de locomoção eram muitas e tinha que tomar uma decisão. Ou mandava vir o fascículo 11 da Enciclopédia Médica do CM – Lesões Musculares: avaliação e tratamento, ou esperava que o reconhecido fisioterapeuta do quiosque, Alves da Fonseca, viesse buscar os seus jornais (Record + O Jogo + Jornal do Sporting). A opção B saiu vencedora e pelas 11:40 o prognóstico inicial foi prontamente descartado. Diagnóstico: contractura muscular. Tratamento: gelo nas primeiras 48 horas sobre a zona dorida, e depois disso, se não quiseres enterrar o teu dinheiro aí num Dr.Especialista, pegas num secador de cabelo e apontas para a zona dorida durante 7 minutos, alternando com gelo durante 4 minutos, isto duas ou três vezes ao dia.

Quem diz que um quiosque não é mais que um estabelecimento de venda de jornais e revistas?
posted by ardinario, 5/10/2007 05:37:00 da tarde

2 Comments:

"(...) pegas num secador de cabelo e apontas para a zona dorida durante 7 minutos, alternando com gelo durante 4 minutos, isto duas ou três vezes ao dia."

Por estes dias, deve valer a pena parar aí para esses lados, só para observar o "espectáculo"...:))
As melhoras...

Add a comment