<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d34117314\x26blogName\x3ddi%C3%A1rio+de+um+quiosque\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://diariodeumquiosque.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://diariodeumquiosque.blogspot.com/\x26vt\x3d5113954605552121106', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

diário de um quiosque

O Pacheco Pereira tornou-se uma espécie de Ardinario da política [caracteres extra para não me estragar o template do blog]

Este é gratuito e aquilo é uma ordem

sexta-feira, fevereiro 02, 2007

Image Hosted by ImageShack.us
- Tiragem: à volta de 30 exemplares
- A distribuição destina-se exclusivamente à imprensa portuguesa
- Não vale responder com isto. Seria atirar areia para os nossos olhos.
posted by ardinario, 2/02/2007 04:34:00 da tarde

10 Comments:

Talvez seja mais acertado pedir aos próprios jornais para fazerem algo. O modelo por que optaram os chamados "generalistas", tentando concorrer com o "ritmo" noticioso de outros órgãos de comunicação (televisão), tem-se revelado um suicídio. Ao fim e ao cabo, tentaram dirigir-se ao grande público que lê pouco e não só não o conseguiram, como acabaram por perder os outros. O caso da "Bola", talvez seja diferente. Mas, para tirar conclusões, seria necessário qual a evolução verificada pelos outros desportivos.
O "Façam alguma coisa!" é para os jornais!
Tens que começar a vender jornais gratuitos :)
commented by Anonymous Janicio, 2/03/2007 9:25 da manhã  
No caso dos jornais desportivos creio que existem dois problemas: dificuldade em manterem a independência face aos três clubes grandes e incapacidade para fugir à ditadura noticiosa de Benfica, F.C. Porto e Sporting. Percebo o ponto de quem tem publicações para vender, mas acho que o que verdadeiramente interessa é saber se as pessoas lêem mais (jornais, revistas, jornais online, blogs, sites de órgãos de comunicação internacionais) e estão melhor informadas do que há dez, vinte anos.
Minuto a minuto...há coisas que só acontecem no Rádio Clube...em Coimbra,hoje, às 8,55, estava a passar o programa... da noite de ontem, que pelos vistos era gravada por uma tal Tânia....uma semana depois as calinadas continum minuto a minuto
commented by Anonymous Anónimo, 2/05/2007 9:06 da manhã  
O Jornal O JOGO só contrata malta nova que aceita ser colaborador a ganhar 125 euros por mês, que é a única forma de manter equilibradas as finanças do jornal.

Razão tem o ministro da Economia quando disse na China que os slários em Portugal são muito baixos.
commented by Anonymous José Manuel Ribeiro, 2/05/2007 12:08 da tarde  
Luis, as pessoas hoje em dia estão MAIS informadas, mas não estão MELHOR informadas.
A bola nos maus dias já vende 45 mil e o record 55 mil, vendiam há 5 anos mais de 100 mil cada um!!!!... Pensavam que a Internet era a custo zero, han?...
commented by Anonymous Anónimo, 2/07/2007 7:02 da tarde  
E O JOGO tem de dias de ficar nos 15 mil. Em Lisboa há dias que quase não lhe pegam.
commented by Anonymous José Manuel Ribeiro, 2/09/2007 4:18 da tarde  
Bom, falta lançar o desafio final e propor ao ardinário que publique os dados de vendas de 2006 da APCT, tal como fez muito bem no final do 1º semestre.
Sobre as considerações de se estar mais ou melhor informado, duvido seriamente que alguém esteja mais informado quando tanta informação é sonegada ou então não trabalhada. E é isso que está a matar os jornais.
É inóquo recuar 20 anos para fazer comparações quando os diários desportivos existem os 3 há 12 anos. Agora, que ao fim de 2 ou 3 anos de diários desportivos já vendiam muito acima dos 100 mil diários, ai é verdade. E desfaz-se, aliás, o mito (ele vende, não é?) de que o Benfica é que vende. Os jornais nunca venderam tanto como nos anos do penta portista. Depois foi sempre a descer, até subir de novo em 2004 pelo título europeu e o Euro em Portugal. E agora cai a pique como nunca!
É a vida...

Add a comment